sábado, 8 de outubro de 2016

DESCONFIO QUE MEU MARIDO ESTEJA SAINDO COM HOMENS

‘’Desconfio que meu marido esteja saindo com homens’’, assim são a maioria dos e-mails que recebo. O que faz com que essa desconfiança aconteça e se comece a desconfiar que o marido esteja transando por aí com homens? Muitas vezes essa desconfiança é simplesmente sem fundamento, por algum motivo a vida sexual teve uma queda, e isso é aceitável, existe um mito de que os homens precisam ‘’comparecer’’ sempre e se isso não acontece é um péssimo sinal. Oras, temos um ser humano que se sente cansado, a vida moderna foi facilitada pelas tecnologias, mas não quer dizer que não se exija mais de todos nós.

                Desconfianças é sempre uma luz vermelha que se acende, um indício de que algo não vai bem na relação. Homens conseguem desassociar muito bem AMOR de SEXO. Amor ele sentirá pela pessoa que escolheu ou se relaciona para construir uma vida e sexo independente de ser com amor ou não, será na maioria das vezes, prazeroso e não importa com quem.


                O primeiro passo para descobrir se existe algo errado é fazer uma autocrítica, refletir qual o seu papel na relação e o que pode estar acarretando desconfianças, o DIÁLOGO sempre é a melhor ferramenta de trabalho. Caso não tenha como continuarem juntos, para que ficar se martirizando, buscando um sofrimento desnecessário em se existe ou não uma traição? Não importa se é com homem ou com uma mulher que ocorre a infidelidade, o que importa é se depois de descoberta ainda sim existe vontade de continuarem se relacionando, se tem como superarem isso juntos ou quem sabe uma outra possibilidade, conheço casais (homem e mulher) que possuem relacionamento aberto, e podem buscar parceiros e parceiras do mesmo sexo ou não. A vida é curta e nos oferece milhares de oportunidades. 

Vamos ser felizes!

quinta-feira, 23 de junho de 2016

O GAY PASSIVO E GAY ATIVO

Ainda tentamos falar sobre sexo com receios embasados em preconceitos pessoais, geralmente doutrinados por crenças que desde pequenos nos ofereceram goela abaixo. O sexo ainda é um tabu. Sexo anal ainda é tido como algo exclusivo a gays, e as mulheres que praticam não se sentem à vontade para falar sobre o assunto. Temos uma hierarquia sexual, deram um nome para ela nos dias atuais; sexismo. O sexismo nada mais é que o conceito de que existe uma forma sexual superior a outra. Ser Gay passivo ainda é algo que não é bem visto dentro do próprio grupo ao qual o indivíduo se insere. Incrivelmente, temos ainda um conceito que se um Hétero pratica sexo anal com outro homem de forma ativa não é gay e sim apenas macho. Que ilusão! Se você se relaciona com outro homem, e não interessa o que você quer acreditar, sim, você é homossexual ou bissexual.


A imagem do Gay ativo que é tido como Hétero é uma construção dos modelos de relacionamentos sociais que excluem a mulher como parte integrante. Explicando de forma simples, ser gay passivo é algo ultrajante, receber a penetração é tida ainda como uma forma de dominação que ridiculariza e minimiza o valor do outrem. Assim como na sociedade heteronormativa em que ser mulher é algo que ainda é visto como ‘’o sexo frágil’’, ser passivo é tão ou pior que ser do sexo feminino.


Ativos e Passivos e suas variações Versátil; aquele que é tanto ativo quanto passivo, e que em muitos dos casos é um rótulo que apenas existe no imaginário de muitos gays é apenas uma forma de não assumir serem passivos. Ainda se acredita que ser Passivo é querer ser Mulher, tornar-se mulher, ser possuído como uma. Não existe problema nenhum nisso, porém deve se levar em consideração que a maioria dos Gays masculinos nunca quiseram se tornar mulher ou fingir ser uma. A sombra da heterossexualidade no indivíduo Gay ou Lésbica ainda é nebuloso, traz dor e sofrimento para algo que deveria não mais ser um tabu e sim parte da sexualidade humana e suas múltiplas possibilidades.


Dixe seu comentário e interaja com outros usuários do Blog!





segunda-feira, 9 de novembro de 2015

RELAÇÕES EXTRACONJUGAIS GAYS

Recebo muitos e-mails e muitas mensagens são postadas aqui no Blog. Alguns questionamentos sobre a postura que adoto sobre os relacionamentos de homens casados com mulheres que mantêm uma vida dupla com outros homens, encontros ou relacionamentos extraconjugais mais duradouros ( com homens).

Na verdade, recebi um e-mail de um Senhor que me questionou porque meus artigos sempre adotam o lado feminino colocando os homens sempre em segundo plano e os injustiçado, o e-mail termina com a frase ‘’você de certa forma nos dá um tiro no pé’’... Não adoto nenhuma posição, apenas escrevo sobre sexualidade masculina e suas implicações em relacionamentos conjugais. Dizer que eu concordo... claro que vou dizer que não acho correto! Como se está exposto aqui na página por várias mulheres, a descoberta de ser traída é muito dolorosa.  Não sei se a maioria já se questionou sobre isso, mas as parceiras podem chegar ao suicídio ou desenvolverem depressões profundas.  Usar um ser humano, no caso a esposa, para adotar uma fachada perante a sociedade é algo realmente arriscado. Para falar sobre isso seria necessário muito tempo e vários posts, pois ao levar em consideração que não acho correto (na verdade é mais que desonesto) também teria de levar em conta o lado dos Bissexuais. 

Será que algumas pessoas estariam dispostas a levarem uma relação a três às claras, abrindo com a parceira (esposa) que gosta e quer ter relacionamentos sexuais ou não (afetivos) com outros homens... É algo a se pensar e amadurecer... Nada que é combinado sai caro.
Próxima postagem irei escrever sobre ‘’Sexo a três’’, e aí você topa?


Vamos lá pessoal, comentem as postagens, consigo ver que as postagens estão muito acessadas e geralmente pelas mesmas pessoas (recebo puxadas de orelha via e-mail).... Abraços a todos. 

Veja a Imagem e vamos refletir:

quarta-feira, 30 de setembro de 2015

SOU CASADO PROCURO SEXO COM OUTROS HOMENS

Como prometido esse é o novo assunto que abordarei neste Post, Tenho notado que o Blog tem sido cada vez mais acessado e tenho recebido muitos e-mails, principalmente de mulheres, comecei a responder algumas.

Quero abrir aqui um debate novo, sexo de homens Héteros com outros Héteros, claro que sei que os Gays que leem o blog irão dizer: ‘’mas se transa com outro homem não é Hétero!’’. OK! E por que não?  Nossa sociedade tem uma fórmula normativa para tudo aquilo que não é convencional. Se temos homens que transam com homens ele é gay, correto? Talvez não. Algumas formas de relações sexuais entre homens podem ser facilmente explicadas, bom vamos começar pelo sexo nas penitenciárias entre os presidiários, temos também o sexo entre militares, marinheiros, seminaristas, podemos entender que a ocasião também faz a circunstância correto?

Mas o assunto em questão é ser casado e procurar sexo com outros homens, na maioria das respostas do blog temos a seguinte constatação dos homens que são casados e mantém tal prática: a maior parte não está nem aí para a esposa em casa, aquela que lava, passa, cozinha e cuida dos filhos. O fato é que os homens possuem uma separação completamente diferente de relacionamentos, fidelidade e amor. Lendo alguns comentários e pensando nos questionamentos de mulheres sobre seus maridos  e avaliando minha experiência como homem, posso afirmar que o Homem consegue sim separar a transa na rua com outro homem ou mulher do amor que dedica a esposa. Claro que o assunto é polêmico e deve ser refletido. Ser traído não é algo honesto e nem a melhor coisa do mundo quando é descoberto, seja pelos homens ou pelas mulheres. Não concordo com Homens que deixam suas esposas e filhos em casa para realizarem seus fetiches com outros homens casados ou não na rua, uma situação que causa dor e que se descoberto pode ser um problemão.

A maior parte dos Héteros, e aqui incluo homens que transam com homens-indiferente do que cada leitor tem como pensamento a respeito desse assunto – considera a escapadinha como algo que apimente mais a relação. Vejo isso como uma porta (ou melhor, um portal) para relações de risco, pessoas com comportamento sexual dessa forma geralmente buscam mais de um parceiro sexual, pois não têm intensão de se apegarem e nem podem, considerando que são casados. Homens que transam com outros homens e são casados estão expostos a risco de doenças sexualmente transmissíveis ( camisinhas arrebentam sim, não são indestrutíveis), risco de serem chantageadas (menor das hipóteses) ou como adotam encontros as escuras (sites, grindr, saunas, pegação, banheiros públicos) podem serem surpreendidas pelos possíveis parceiros, quantas notícias de assassinatos temos na imprensa?!

Acabou que o texto ficou muito grande e não consegui entrar no assunto ao que me destinei, farei a segunda parte do assunto e tratarei realmente das mulheres (as esposas).
Obrigado por lerem o Blog, tenho feito o possível para responder todos os e-mails enviados. Os que podem seguir a página agradeço imensamente e espero estar sendo de valia para informação e entretenimento.



Comentem e vamos debater o assunto!




terça-feira, 8 de setembro de 2015

SOU CASADO, TENHO FILHOS E MUITOS DESEJOS POR HOMENS

Como lidar com emoções e vontades que se tornam mais fortes ao passar dos anos?
Casamento, constituição de família é o principal ponto que a maioria dos seres humanos tem em mente, claro que estou levando aqui a perspectiva Heterossexual. O sonho da maior parte dos homens é ter uma vida tranquila ao lado de quem se ama e por muitas vezes esse sentimento, a vontade de estar de uma forma mais íntima com outro homem, surge durante um relacionamento, ou de certa forma aflora depois de anos em uma relação, digamos de certa forma, convencional.
        Homens casados tem, na maioria dos casos, preferência por homens que também estejam de alguma forma envolvidos sentimentalmente em um relacionamento heterossexual, o motivo de tal preferência podem variar bastante, desde a falsa ideia de que por estarem em uma relação sólida jamais irão se envolver sentimentalmente com outro homem, trocando em miúdos seria somente sexo por sexo. Segundo ponto que podemos levantar aqui é a homofobia, a ideia incoerente de que por estarem se relacionando com outro homem que possui um relacionamento heterossexual não sejam gays. 
            A possibilidade de não se envolver emocionalmente com uma pessoa que você está transando várias vezes, de alguma forma (ou de todas as formas) em algum momento te criará uma cilada.  Sim, você irá se apaixonar, claro que isso pode não acontecer também, mas seja honesto comigo: até que momento de uma relação se consegue manter uma distância emocional segura?
           Não tenho intenção de concluir esse texto futuramente, assim como fiz com outros aqui do Blog deixo aberto um canal para que possamos interagir discutir assuntos que de alguma forma possam trazer um pouco de sossego a corações e mentes de pessoas que passam por situações semelhantes.
            Buscar um relacionamento extraconjugal é algo que a maioria dos seres humanos passou em algum momento da vida (ou passarão ou ficaram tentados a isso), não precisamos aqui nesse espaço bancar os hipócritas e pregar fidelidade, puritanismo religioso... Uma grande parcela da sociedade masculina tem a curiosidade de manter algum tipo de envolvimento com outro homem, na maior parte das vezes esses relacionamentos se dão entre homens casados com mulheres, numa esfera acima de qualquer suspeita camuflados no casamento perfeito, modelo família feliz ( mulher e filhos).


Ps: comentem, deixem suas experiências, quem quiser deixe telefone para contato, e-mail, skype (se alguém ainda usa isso) ou whatsApp, o campo de contatos entre leitores fica abaixo do nome do Blog em ''contato entre leitores''!



segunda-feira, 30 de setembro de 2013

RELACIONAMENTOS ENTRE HOMENS QUE SÃO CASADOS COM MULHERES

Com tantos relatos de homens que são casados e que sentem atração ou mantém relacionamento extraconjugais com outros homens, resolvi escrever este novo post. Definitivamente o mundo ainda não esta preparado para os gays, bissexuais, travestis e afins, se estivesse não existiriam tantos crimes contra gays e nem tantos homens casados por aí pulando a cerca para viverem o que realmente são. Gostei de alguns comentários de mulheres aqui no blog que disseram que Homem que gosta de homem sempre vai gostar de transar com homem, alguém discorda disso? Acho que não.

Todo mundo conhece algum carinha por aí que  vive numa casa boa, com o carro do ano, filhos e uma esposa...e que ‘’ sai’’ com homem, há, isso é muito comum, outro dia disse aqui no blog que a maioria dos gays estão casados, e houve uma chuva de críticas...bom, lamento decepcioná-los,mas a maioria dos gays estão sim muito ‘’bem‘’ casados.

Viver uma vida de fantasia não deve ser algo muito fácil, fico imaginando como será transar com a esposa por  obrigação e estar com os pensamentos em outro homem, não consigo imaginar, menti...é um preço realmente muito alto! Uma historia que quando vem á tona todos perdem.

Não pretendo me alongar muito nessa conversa, aliás meu intuito hoje é dar um conselho para quem pensa em se envolver num relacionamento com um homem casado, ou pra  quem já esta numa situação assim: caia fora, não entre nessa, se você não quer participar de uma história que mais cedo ou mais tarde virá a tona não se envolva, a corda sempre arrebenta para o lado mais fraco e o lado mais fraco será o teu, para a maioria das mulheres o marido não é gay, foi a influencia de uma má companhia, conheço casos, inclusive um em que a esposa aceitaria tranquilamente o marido gay de volta sem nenhum problema para continuar com a imagem da Família Feliz.

Com tanto Homem livre e não-covarde por aí o que menos você precisa é de alguém dentro de um armário.


Abraços a todos e deixe seu comentário abaixo, mesmo que anonimamente, ajudem outros que buscam se entenderem...

quarta-feira, 22 de maio de 2013

MEU MARIDO TEM ''RELAÇÃO'' COM MEU IRMÃO A 7 ANOS

Respondendo ao e-mail enviado anonimamente:.

''Adriano silva o meu caso é gravíssimo meu marido tem relação a 7 anos com meu irmão o q faço desde antes de nos casarmos mais ele diz q não é homossexual. ''


Obrigado pelo acesso ao Blog. Fico impressionado com o poder que o ser humano possui de fazer o mau as outras pessoas, principalmente á aquelas que diz amar. Você me diz que descobriu este fato, imagino que a descoberta tenha sido de forma terrível e que seu psicológico esteja muito abalado, o pior  não é seu marido dizer que não é homossexual (pois sim ele é !) é saber que seu irmão esteja  envolvido nessa  história, será que em nenhum momento ele pensou no sofrimento que  isso poderia acarretar a você e a todos a sua volta? 

Vivemos um tempo em que a individualidade está condicionada as grandes transformações do mundo, perdeu se os valores de respeito, consideração, ética, honestidade... Seu marido, essa pessoa que você viveu por 07 anos é um desconhecido em seu lar, não adianta ele dizer que não é gay, pois você jamais irá voltar a confiar, o que aconteceu é grave de mais para se dizer: ‘’vamos passar uma borracha nisso e recomeçar ‘’, realmente não há como fingir que nada aconteceu, e o pior, acontecia com seu irmão, na sua casa e debaixo dos seus olhos. Fora a orientação sexual tanto do seu irmão quanto do seu marido o que fica mais evidente e o que deve lhe perturbar mais é o fato de em nenhum momento terem pensado em você e como isso iria mudar não só sua vida como a de todos ao seu redor.  

É um momento de  grande reflexão para uma grande decisão, duas pessoas que você ama tiveram uma atitude imunda, não por serem homossexuais ou bissexuais mas por terem  agido monstruosamente , seu marido poderia ter  mantido uma relação sexual com qualquer um mas nunca com o cunhado e da mesmo forma o inverso.


Sem sombras de dúvidas seu casamento acabou, seu marido jamais ira, ao que tudo indica, nem parar de manter relações  homoafetivas nem nunca assumira sua condição sexual. Muitos homens não rotulam a sexualidade e nem por isso quer dizer que todos devem aceitar ou  achar bonitinho um ‘’homem’’ como marido que uma hora está com um homem e outra com mulher, mas caso você supere esse golpe esteja preparada que ser gay não é uma escolha é uma condição, a sexualidade é moldada desta forma e não há de nenhuma  possibilidade de mudança, não existe cura gay como manifesta certas religiões, ou se é ou não se é.


Abraços espero ter ajudado

GAYS QUE SE CASAM COM MULHERES

A liberdade que cada um tem sobre sua vida permite que façamos várias escolhas ao decorrer da nossa existência, isso não significa que estaremos seguindo os caminhos certos.
O casamento é uma grande responsabilidade, principalmente por que envolve uma segunda pessoa que apresenta sonhos e metas que pretende alcançar com o parceiro e posteriormente os filhos, que são totalmente dependentes dos pais.
Se você tem duvidas com relação a sua sexualidade ou medo da sociedade, família e/ou o que os amigos irão pensar, sua melhor escolha é não se casar em hipótese nenhuma, para quem se considera bissexual (o que já expliquei em outro artigo sobre o que penso da bissexualidade também se encaixa aqui) seja sincero com sua parceira, ponha as cartas na mesa, claro que é uma decisão difícil, e claro que são decisões importantes e que por isso mesmo não se deve ser envolvidas pessoas que são inocentes, pois, o sofrimento é inevitável quando por algum deslize as parceiras descobrem envolvimentos amorosos ou sexuais com indivíduos do mesmo sexo por parte de seus maridos.

Principal fato que deve ser levado em consideração na decisão de se viver uma vida feliz é sermos HONESTOS conosco  e não brincar de ser feliz construindo uma vida artificial envolvendo outras pessoas, da mesma forma que queremos e desejamos sermos felizes  temos de ter a consciência que o que envolve a vida de outras pessoas é nossa responsabilidade . A imagem de família feliz pode ser algo que cole na sociedade mais nossa consciência sabe da verdade e pode nos atormentar por noites e dias.

Por que desperdiçar uma vida inteira com uma vida a qual não pertencemos?!.

Família é algo muito sério, como já citado acima, não só por que envolve uma série de eventos ligados ao psicológico, mas principalmente por que  quem faz estas escolhas jamais consegue manter uma vida monogâmica, fica preso ao casamento  e mantêm uma segunda vida  a qual sacia seus instintos.


#COMENTE,DEIXE SEU PONTO DE VISTA ABAIXO EM COMENTÁRIOS MESMO QUE ANONIMAMENTE.

sábado, 24 de novembro de 2012

MULHERES QUE DESCOBRIRAM QUE O MARIDO É GAY

Ola pessoal, recebi muitos e-mails e decidi postar alguns aqui no Blog , todos sem nenhuma exceção são de mulheres que desconfiam que o marido é gay, não farei nenhum tipo de comentário neste post, sei que a maioria gostaria de ser respondida mas me desculpem desta vez não farei nenhum tipo de comentário! Deixarei aqui para que sejam visualizados e que sirvam de exemplo  a dimensão do sofrimento de todas estas mulheres  e seus maridos.... o meu e-mail para  envio de assuntos continua sendo o adrianosilvaesouza@yahoo.com.br.



''''Sou casada a 15 anos, tenho 1 filha e a alguns anos desconfio que meu marido é gay. Ele sempre teve preferências estranhas na cama como me exigir frequentemente que o acaricie no ânus entre outras coisas. O sexo entre nós nunca foi muito frequente. E sempre foi feito da mesma maneira. A alguns anos atrás chegamos a ficar meses sem transar e, como não aguentei a carência, o traí com outra pessoa. Ele descobriu e ao invés de uma reação normal de um marido traído como me xingar, tirar  satisfação com o cara, ele simplesmente me fazia relatar o que o cara fazia comigo nos mínimos detalhes. Nunca nos separamos apesar de tudo. Mas minha vida é um inferno porque minhas desconfianças continuam e não sei como fazer para ter certeza. Ele gosta de visitar sites gays. Quando falo em separação ele chora, disse que não quer ficar sozinho, que não sabe conquistar ninguém. Essas coisas. Eu fico com pena e acabo voltando atrás. Mas sou infeliz e acho que ele realmente é gay. Tenta fazer amor comigo mas eu não suporto nem o cheiro dele. Não sei o que faço. Não encontro forças para vencer essa pena que sinto dele. Sou bonita nova e gostaria muito de refazer minha vida com outra pessoa... '''

Pandora - analista de sistema - ES

Há dois anos namoro um cara que tem uma personalidade muito difícil de lhe dar, ele e metódico, egocêntrico e egoísta .. Desde o começo do nosso namoro notei que o sexo não era bom, ele mal me beijava era frio do começo ao fim, egoísta na cama queria que só eu fizesse oral nele e praticamente não fazia em mim e quando fazia parecia que tava beijando era uma chupada seca sem graça e sem tesão  me pedia direto para fazermos sexo anal e sempre gozava de trás .. desconfiada com esse comportamento dele sempre tive a intuição que ele poderia ser gay, dai comecei a investigar e olhando no histórico das conversas dele vi que ele estava olhando site de acompanhantes masculinos e travestis... agora estou preocupada... o que fazer... são muitas as evidencias.... o que devo fazer? ainda não conversei com ele sobre isso não sei nem como agir?

Fernanda: Professora - GO


Hoje tive uma decpção muito grande, fui trabalhar chegando lá lembrei que deixar minha bolsa em casa, voltei, entrei sem fazer nenhum barulho derrepente meu marido estava no banheiro, mas quando me viu ficou muito assustado, percebi que escondeu alguma coisa e nao deixou ver de maneira alguma, mas ja estava desconfiado faz algum tempo, senti um cheiro horrivel no quarto de merda, nao quis me mostrar de jeito nenhum, mas de devagar fui tentado descobrir o que estava escondido debaixo do endredon para minha decpção era uma escova de cabelo, enviou no rabo enquanto estava sozinho, mas ja esta descofiava antes, mas nunca tive certeza, tinhamos um penis de borracha e percebia que ele estava usando ate que joguei fora, esta sendo terrivel, perguntei se era de homem que gosta disse que não, começou a chorar mas sei que é lagrima de crocodilo, amigos me ajudem estou super na duvida o que fazer percebo que nao esta a mesma coisa, fica na minha cabeça a cena e nao confio nele faz algum tempo..será que ele é gay, como faço para descubri isso................

ARIANA: assistente social - PR


Eu estou desconfiada do meu marido..estou pensando que ele esteja afim de um cara do trabalho dele..meu marido tem 27anos e funcionário público e trabalha a noite das 10 as 3:30 da madrugada as vzs chega á 4h..da manhã maximo! ele sempre cumpre horários..nunca muda, sempre ando com ele, sempre estou com ele..ele faz questão de me levar para os lugares..só que á uns mêses atraz..ele me vinha comentando sobre um rapaz do trabalho dele que ele próprio pensava que o cara era gay..e tirava até onda...pra encurtar a história! ele s agora são tipo unha e carne..o cara ta até ajudando ele....insentivando a fazr faculdade ...arrumou uma faculdade de graça pra ele de direito, boua e tud mais até!de graça!pois ele tem influência com politica...vai arrumar emprego numa prefeitura ai de num sei de onde...sabe todo bonzinho...e meu marido todo alegrinho com essas...digamos boas \"ações?!\"aantes do cara querer ajudar de mais meu marido..eu não sei pra q td isso pois nós vivemos mt bem!meu mairod já tinha ficado amigo dele..só q n tinha me apresentado AINDA!o cara tem um leve jeitinho afeminado uma voz meio afeminada...e meu marido marcou até com ele pra nós viajarmos juntos nas férias deles 2 eu meu marido ele e ele vai levar uma amiga pra acompanhar pra n fik segunrando \"vela\" será?!eu tô com ciumes..tô com umpé ataz...já tentei fzr sexo anal com meu marido eu fazendo nele...ele até deixou mas n curtiu!até hj quando eu insisto ele diz não na laaata..mas ele tipo adora sexo anal comigo! e hj quando nós estavamos tranzando ele me disse que gostava mais de comer meu cu do q minha buceta...que preferia minha bunda!ai foi q eu fiquei encucada mais ainda! em tão ...isso eta sendo um possivél relacionamento entre os 2 ?! ou meu marido ta so sendo amigo dele mesmo e aproveitando oq o cara quer oferecer á ele..(o outro cara tem 23anos) vale ressaltar QUE QUANDO VAI TRABALHAR MEU MARIDO fica todo alegre..passa perfume que digamos antes não fazia taaanta questão as vezes nem tomava banho...vai toodo produzidO!vai mais limpo e cheiroso pro trabalho do que quando esta comigo durante o dia..e nem reclama mais de ter que ir trabalhar agora até gosta do turno da noite..pois antes ele era da manhã..me ajudem...pf...uma luz ai!

DESCONFIADA: estudante - RN_












sábado, 17 de novembro de 2012

COMO CONTAR A FAMÍLIA QUE SOU GAY?


''Estou com um problemão gente, sinto que já esta na hora de meus pais saberem que sou gay mais não tenho coragem de contar pois não sei como falar e não sei qual seria a reação deles com relação a mim, oque fazer?'''


Anônimo-SP
Pergunta enviada por e-mail

Obrigado pela pergunta. deixarei aqui não um manual de como você deverá se comportar frente a esta questão, cabe somente a ti contar ou não.... creio que sera doloroso  a seus pais, este artigo abaixo não é de minha autoria , postei as referencias no  pé do post. Será só para que reflita um pouco mais em sua decisão de contar, caso opte em não contar aconselho que conquiste sua independência ,estude,forme-se e assim  apos ter como se manter financeiramente a opinião dos outros pouco importará , não que estas  -  as opiniões e o preconceito não tenha um peso ''x'', - mas será muito menos  agressivo a você pois  poderá estar liberto em sua própria vida e não amarrado a vontades alheias.



A homofobia é penetrante demais para ser banida da nossa consciência com facilidade, sejamos homossexuais ou heterossexuais. Enquanto houver homofobia na nossa sociedade, qualquer homossexual e qualquer pai ou mãe ou irmão ou amigo de um homossexual terá alguns medos e preocupações bastante legítimos e reais.

A orientação sexual homossexual não é limitada a um tipo particular de pessoa. Homossexuais pertencem a todas as idades, classes sociais, culturais, raças, religiões e nacionalidades. Trabalham em todas as profissões. Moram em todos os lugares do país. São bilhões de pessoas e estão em toda parte.

Muitos cientistas acreditam que a Orientação Sexual seja moldada, na maioria das pessoas, nos primeiros anos de vida, através de complexas interações de fatores biológicos, psicológicos e sociais, variando de uma cultura para outra.

Cientistas descartam os fatores hormonais, genéticos ou congênitos, além de experiências vivenciais durante a infância. Estas interpretações e teorias científicas eram baseadas em medos, tabus e preconceitos.

Para a maioria das pessoas, a orientação sexual emerge no início da adolescência, antes mesmo de qualquer experiência sexual. Algumas pessoas relatam ter tentado, durante muitos anos, mudar a sua orientação sexual de homossexual para heterossexual, sem sucesso.

A orientação sexual não é uma escolha. Por estas razões, os psicólogos não consideram que, para a maioria das pessoas, a orientação sexual seja uma escolha consciente, que possa ser voluntariamente mudada. Por isso, não se deve falar em “opção” ou “escolha sexual”, mas em “orientação sexual”.

O preconceito pelo homossexual baseia-se em esteriótipos preconcebidos, na ignorância ou em fundamentações religiosas homofóbicas.

Os esteriótipos nascem da ignorância e do preconceito.

As pessoas geralmente temem aquilo que não entendem, e odeiam aquilo que temem. Esta é a base do preconceito e, quando este preconceito é direcionado aos homossexuais, é chamado de “homofobia”.

Aprender o máximo que for possível sobre homossexualidade e ajudar a trazer esta discursão mais à tona em nossa sociedade é uma forma de apoiar o homossexual (o qual pode ser aquele que está bem próximo a você e você nem perceba: seu pai, sua mãe ou um de seus irmãos ou um amigo seu etc.). É o mascaramento da homossexualidade e o complô do silêncio que permitem que o preconceito e a discriminação sobrevivam.

Orientação Sexual é diferente de comportamento sexual, porque Orientação Sexual se refere a sentimentos e auto-identificação.

A Orientação Sexual é um componente da sexualidade humana complexo, indo além do comportamento sexual. A Orientação Sexual engloba sentimentos sexuais, sentimentos românticos, sentimentos emocionais, identidade social e identidade de gênero.

Nossa sociedade tem uma “pré-suposição heterossexual”. Nós somos educados – pela nossa família, pelas escolas, pelas religiões e pela imprensa – a achar que todo mundo é heterossexual, e nós somos freqüentemente influenciados a discriminar aqueles que não são. Esta “pré-suposição” somente agora começa a mudar.

Devido a esta “pré-suposição” e preconceito, muitas pessoas não começam a entender sua Orientação Sexual até chegarem à adolescência ou mesmo à idade adulta – e isso pode ser muito confuso.

Não é fácil uma pessoa descobrir se ela mesma é homossexual. O preconceito que existe na nossa sociedade pode fazer com que a própria pessoa queira esconder o que sente, até mesmo de si própria. E isso pode fazer com que a pessoa se sinta isolada e completamente sozinha.

Ninguém sabe exatamente de que forma é determinada a Orientação Sexual humana: por que alguns preferem o mesmo sexo, o oposto ou os dois. Muitos cientistas acham que é uma questão genética, biológica ou psicológica: a Orientação Sexual de uma pessoa pode ser estabelecida antes do nascimento ou nos primeiros anos da infância.

Ser homossexual não é apenas natural: é tão saudável quanto ser heterossexual.

Não há motivo de se interrogar por que uma pessoa é homossexual. Simplesmente, algumas pessoas são homossexuais e algumas pessoas são heterossexuais, da mesma forma como algumas pessoas têm olhos azuis e outras têm olhos castanhos. Não é algo que uma pessoa pode escolher ser ou não ser. É simplesmente mais uma parte do que a pessoa é.

Espero ter sido válido.
E-mail Adrianosilvaesouza@yahoo.com.br

Orientação Sexual e Homossexualidade. Texto original em inglês: S.J. Blommer, PFLAG/Denever – American Psychological Association. Adaptação: Marcelo Cerqueira. Salvador – BA – Fevereiro/2001.
• Kimeta Society, UNESCO.
• “Seja Você Mesmo”. Texto original: “Be Yourself”, PFLAG, Federation Parents of Lesbians anda Gays, Washington, 1995). Tradução: Inês Alfano/Adaptação: Marcelo Cerqueira. Maio/1996.
• Ministério da Saúde – Governo Federal do Brasil.
• “Nossos Filhos e Filhas”. Tradução de Inês Alfano. Adaptação de Marcelo Ferreira. Título original: “Our Daughters and Sons”. Parents of Lesbians and Gays. Washington, 1994.





segunda-feira, 2 de abril de 2012

CASADOS E GAYS




A grande maioria dos homens casados por aí são homossexuais, ah não é loucura não! É sério. Já viu um casal na rua em que o cara anda todo ''estranho'' e você pensa ''tem mulher que é cega!'' pois é tem algumas que são cegas mesmo,mais outras tenho certeza que sabem que o ''principe encantado' ''...como diria meu cunhado ''morde a fronha''. E por que não largam do cara? Hi!  aí fica difícil, pode ser por amor (tem mulheres que amam tanto gays que se casam com eles),pode ser por comodismo social.

Homens  casados que são gays,são bisexuais ou o tipo de rótulo que melhor encaixar geralmente fazem esta escolha por medo de se assumirem,o famoso medo do que os outros vão pensar, escolha esta que envolvem sempre um grupo de pessoas. Este grupo são esposa e os filhos,que,claro, geralmente pagam preços altos por este segredo,pois nada neste mundo fica escondido,sempre tem alguém que viu,alguém que conhece alguém que sabe uma historinha cabeludo e no final pode ter certeza sempre terá pessoas magoadas.

Como será viver uma vida assim? assumir um lugar que é uma fachada,ser feliz parcialmente.Sim,pois estar numa situação assim em que o medo predomina não compensa.
A grande parte destes homens busca o que chamam de aventuras sexuais, se aventuram com o primeiro homem que aparece pela frente, Explico: como são enrustidos tudo é feito de modo rápido, é uma escapadinha sem compromisso, e com isso o critério de escolha tambem fica a deriva, desta forma a saúde fica tambem em risco.
Onde homens buscam parceiros para sexo? Hum esta é fácil: banheiros de rodoviárias,de supermercados,esquinas de ruas desertas (quebradas) e principalmente em saunas e salas de bate papo do uol...Sauna Masculina é lugar de ''bixa enrustida'' ! Homens casados sempre mentem o nome, se chamam Marcelos,Marcos,Fernandos,Claudios...não há muita variação.

A parte mais interessante deste tipo de vida é que existem muito mais ''homens que gostam de homens casados'' que decididamente assumidos por aí. A maior parte, como eu já citei em posts anteriores,são acima de qualquer suspeitas, bem sucedidos e bem casados a grande parte cheios de filhos e com muitos amigos homens, possuem aversão ao homossexual, teoricamente.

Outro fato; em que horário acontece as escapadas do enrustido? O enrustido dificilmente busca por outros homens a noite (são casados,#fato), busncam durante o dia mesmo. Em lugares comuns como os já citados com a adição de trabalho,faculdade ou curso e entre claro os amigos... tem Enrustido que tem amigo-caso, aquele que é bem mais que um amigo.

Fica a dica: se você tem um namorado que é muito vaidoso (vaidoso mesmo), que gosta de  criticar os gays (homofobia principalmente),que possui um amigo muito chegado e que estão o tempo todo juntos ou que comentam por aí que é do tipo que ''gosta de coisas diferentes'' pode ficar com a pulga atrás da orelha.

 Homens casados que gostam de homens são do tipo machão.



Ps: Deixem o comentário de vocês abaixo verifiquei que as visitas semanais superam 2 mil acessos...mais cade os comentários? vamos abrir um fórum aqui como  no post :HOMENS CASADOS QUE GOSTAM DE HOMENS. Abraço a todos

sábado, 18 de fevereiro de 2012

CRIANÇA GAY NÃO É COMO COELHINHO DA PÁSCOA: EXISTE!


Hoje acordei pensando um pouco na vida, e diante da banalização das coisas, (ou seria coisificação das pessoas?),fiquei refletindo sobre como o diferente causa tanta estranheza. As novelas hoje em dia tem massificado tanto o tema da homossexualidade, em Fina Estampa  uma ‘’bichinha afetada’’ usa gírias  artificiais em uma interpretação que beira o  ridícula de Marcelo Serrado , já em ‘’Aquele Beijo’’ Luís Salém interpreta a travesti Ana Girafa,cabeleireira honesta e que tem atraído olhares devido ao show de interpretação do ator. Dois personagens gays  que se assemelham e se diferenciam , enquanto um beira ao extremo do pejorativo o outro chega a causar indignação pelo excesso de bondade da personagem, porém o que quero escrever hoje não se refere aos excessos  da Rede Globo (que censura beijo gay nas telenovelas mais liberou na ultima quinta feira  16/02  episodio  de  ‘’Glee –Nunca fui Beijado’’em que Kurt (Chris Colfer) e Finn (Cory Monteith) trocam um beijo no vestiário),cúmulo da hipocrisia).

Li no blog:’’ De onde vieram todos os gays que vemos por aí? De outro planeta ? Já nasceram adultos? ‘’
Boas perguntas não acha? Bom acho que a resposta é  óbvia, a maioria dos gays que hoje estão por aí foram crianças , crianças gays, sim ou você ainda acha que ser gay é opção? Um homem de 20 anos acorda abre a janela e diz ‘’aí hoje acordei tão gay!’’. Não Né!
Antes ,muito antes de me interessar por assuntos da individualidade, tive um vizinho que possuía um irmão de uns 7 anos de idade, o menino era  afetadissimo, tinha trejeitos femininos,voz fininha e nas brincadeiras queria sempre ser a Power Ranger Rosa.O garotinho cresceu, e se tornou travesti. Há e não foi por falta de educação ou excesso dela, já que o garoto possuía outros  três irmãos e nenhum deles se tornou gay (não que eu saiba,ainda). Tenho um primo de 15 anos gay,quando criança de uns 10 ou 11 anos já sabíamos que ele era diferente dos outros meninos, gostava de ficar no meio das meninas, de brincar de bonecas, de se maquiar. Ausência do pai? Culpa da mãe? Acho que não! Outro caso é a sobrinha de um amigo de faculdade, a menina provavelmente tem uns 9 anos, não gosta de usar roupas femininas (sempre de short e camisetas largas do irmão mais velho),não gosta de pintar as unhas nem usar baton, sempre no meio das brincadeiras dos meninos (e não me venha com que as brincadeiras hoje em dia são unisexes!),tenho sobrinhas e garanto que o comportamento é diferente (ou certo depende de onde se projeta a visão).

Héteros não dormem homens e acordam gays nem mulheres dormem rã e acórdão Sapa, praticamente a totalidade tiveram uma infância gay,atraídos pelos amiguinhos sem compreenderem o que estava acontecendo, ridicularizados pela sociedade á volta.

Como um outro tópico que escrevi ha alguns meses este deixarei também em aberto, agirei da mesma forma, dependendo do que for sendo postado em comentários  vou continuando a escrever e amadurecendo minha visão.
Abaixo deixarei um post que está publicado em uma página da internet e a resposta que achei mais válidas ao tema:

‘’Preciso de uma orientação: será que meu filhinho de 9 anos é homossexual?
Tenho 32 anos e tenho um filho e duas filhas. Aqui em casa não temos tabus quando ao sexo e sexualidade; quero dizer, eu e minha esposa não escondemos nada dos nossos filhos sobre sexo (eles sabem, por exemplo, tudo sobre fecundação e tal). Mas também reconhecemos que eles são crianças, então, zelamos para que eles aproveitem ao máximo essa fase que vivem e não terem uma sexualidade precoce.
Segunda-feira desta semana meu filho de 9 anos me disse: "Pai, meu pipi ficou duro quando vi o pipi do meu colega...". Na hora, disse a ele: "Filho, todo homem quando fica excitado ou com desejo sexual por outra pessoa, fica com o pipi duro. Talvez você esteja interessado nesse seu coleguinha." (Me arrependo amargamente por ter dito essa última frase). Bem, ele não perguntou mais, porém foi a partir daí que comecei a prestar atenção nele.
Ele tem um boneco do Ben 10; dorme com o boneco, fica beijando, faz carinho no mesmo e não o larga. E ele já disse coisas do tipo: "Pai, eu tenho um amigo bonito lá na escola!". Nunca diz nada sobre meninas.
Será que ele é gay mesmo? Com 9 anos já dá prá perceber ou saber? Vocês, como gays, acham que ele pode ser homossexual?
Preferiria ser um pedra agora, para não ter que pensar que isso tá acontecendo...’’

Respostas:’’ Cara, com 9 anos ele ainda é muita criança não da pra te dizer se é ou não.
Eu sempre senti atração por homens desde pequeno, e com 12 anos eu entendi realmente o que eu era e o que eu sentia. não force seu filho nem tente dizer coisas a ele que façam ele se fechar e reprimir os sentimentos, se ele for homossexual será seu filho da mesma forma e continuará sendo homem do mesmo jeito.

só te pesso uma coisa seja um pai de verdade e um pai que sabe entender o filho, se vc não recriminar, se vc deixar acontecer o que for ele será um garoto sempre aberto com vc e nunca te esconderá nada. è bacana que ele não tem medo de contar as coisas a vc, porque te ver como um pai compreensivo te ver como um pai que entende o que ele sente. Preserve isso, se o seu filho for homossexual ele continuará sendo seu filho e te amará ainda mais por compreende-lo desde criança e nunca o recrimima-lo por algo que ele já nasceu assim.

se vc for capaz de agir assim, pode ser um exemplo para outros pais.’’

REFERENCIAS:

terça-feira, 19 de julho de 2011

HOMENS CASADOS QUE GOSTAM DE HOMENS

A algum tempo comecei uma pesquisa na internet, o assunto  é sobre homens casados que gostam de homens, porém não retornei nenhuma  pesquisa com sucesso, fiquei decidindo então se deveria postar algo a respeito, depois de muito pensar decidi pelo sim e começar a escrever. O fato é que sempre tive amigos héteros e homossexuais, e que pra mim sinceramente não muda nada tanto na minha vida quanto na vida deles.
Há alguns anos  um amigo me confessou que era casado e que mesmo assim, satisfeito no casamento e possuindo filhos saia a procura de ''aventuras'' e estas eram sempre com outros homens, no primeiro momento fiquei um pouco assustado e nunca mais voltamos a tocar neste assunto, este amigo faleceu há alguns anos.Mas depois disso conheci vários outros que possuem o mesmo estilo de vida, talvez  não seja este o termo mais correto a ser usado...muitos que leem este blog provavelmente devem estar pensando (se forem homens) que isso é coisa da minha cabeça, eu digo que a metade é hipócrita pois muitos de nós  tivemos contato com o sexo através de amigos, colegas, vizinhos quando crianças ou adolescentes,

      Creio que este é um post que não conseguirei dar a conclusão devida já que nenhum  dos meus amigos se consideram gays e muito menos bissexuais  se consideram apenas curiosos. Seria realmente constrangedor para uma mulher chegar em casa e encontrar o marido com outro homem.

    Homens casados que gostam de homens, repressão da sociedade no casamento usado como máscara para evitar o preconceito ou simplesmente algo normal que existe desde que o mundo é mundo?
   Bom não sei, o fato é que conheço muitos, de pedreiros á médicos, pais de família que quase sempre põe muito mais que o casamento em risco por 15 minutos de prazer.

PS1: este post é contra o preconceito sexual é apenas um breve comentário sobre algo que é comum, ao contrario do que muitos homofóbicos pregam, a diversidade sexual vai muito além de um rótulo (gay,lésbica,travesti etc...) muitos não  se encaixam nestes, são homens de postura masculina na maioria casados e acima de qualquer suspeita.

PS²: ESTE POST RECEBE UMA QUANTIDADE DE VISITAS ABSURDAS, É O TÓPICO MAIS VISITADO MENSALMENTE, POR ISSO DEIXE SEU COMENTÁRIO MESMO QUE ANONIMAMENTE PARA QUE POSSAMOS DISCUTIR  O QUE  FOI ESCRITO.